Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Estrutura curricular da licenciatura

Publicado: Quarta, 10 de Mai de 2023, 12h04 | Última atualização em Quarta, 10 de Mai de 2023, 12h04 | Acessos: 460

Em conformidade com as Diretrizes Curriculares para os Cursos de Graduação instituídas pelo Conselho Nacional de Educação e detalhadas no Parecer nº 492/2001, o currículo da Licenciatura em Ciências Sociais da FACSAT é organizado em três eixos:


A) Eixo de Formação Específica: neste eixo estão as disciplinas que conferem a identidade própria do cientista social, contendo os conhecimentos aprofundados das três dimensões do curso: a Sociologia, a Antropologia e a Ciência Política.

B) Eixo de Formação Complementar: neste eixo se concentram as disciplinas que contemplam um objeto mais especializado das Ciências Sociais e aquelas que “fazem interface com aqueles conjuntos advindos de outros cursos de Instituição de Ensino Superior” (Parecer nº 492/2001 do CNE/MEC)

C) Eixo de Formação Livre: “atividades acadêmicas de livre escolha do discente no contexto da Instituição de Ensino Superior” (Parecer nº 492/2001 do CNE/MEC).

O novo desenho curricular da Licenciatura em Ciências Sociais, com a divisão entre esses três Eixos de Formação, oferece maior flexibilidade para contemplar os diferentes interesses de pesquisa e expectativas intelectuais dos discentes, à medida que se concentram os esforços em um conjunto de disciplinas fundamentais obrigatórias, comuns a todos/as, e permite-se a abertura institucional aos discentes em seus processos individuais de formação intelectual; logo, contemplam-se seus interesses mais específicos com as disciplinas optativas do Eixo de Formação Livre.

Para o Eixo de Formação Específica (A), são destinadas 1292 horas de ensino em disciplinas obrigatórias. Aqui se encontram as disciplinas teóricas essenciais das Ciências Sociais, as disciplinas de método e de formação científica.

Para o Eixo de Formação Complementar (B), são destinadas 816 horas de ensino em disciplinas obrigatórias. Aqui estão as disciplinas que, como dito, “fazem interface” e/ou contemplam um objeto mais específico das Ciências Sociais: é o caso das disciplinas de Economia Política e Formação social, econômica e política da Amazônia, do Brasil e do Mundo. Nessa sessão está também a disciplina por meio da qual proporcionamos aos discentes oportunidade para adquirirem ferramentas de compreensão básica e de redação científica a disciplina Leitura e Produção Textual nas Ciências Sociais (cf. item sobre essa disciplina) , com o intuito de suprimir eventuais deficiências na formação do ensino básico e permitir a apreensão sistêmica de conteúdos e a construção de conhecimentos para além do mero amontoado de conteúdos pedagógicos.

No Eixo de Formação Complementar encontram-se, também, as atividades do Laboratório de Pesquisa e Extensão nas Ciências Sociais, onde veremos mais à frente, no item Laboratório de Pesquisa e Extensão em Ciências Sociais/LAPEX se conjugam tanto a relação entre teoria e prática, quanto a relação entre ensino-pesquisa-extensão. Nesse eixo desenvolveremos componentes curriculares voltados ao debate das relações étnico-raciais, direitos humanos e ambientais de acordo com a Lei 10.639/2003 que obriga o ensino de História e Cultura Africana e Afro-brasileira.

E para o Eixo de Formação Livre (C) são destinadas 272 horas em disciplinas optativas no âmbito maior do Instituto de Ciências Humanas e de toda a Unifesspa. Nossa expectativa é na medida em que sejamos beneficiados com a rápida expansão das estruturas físicas da Unifesspa e assim dispormos de mais salas de aula a de oferecer pelo menos 04 disciplinas optativas por semestre, ademais das ofertadas por outras Faculdades do ICH.

Para a elaboração do Trabalho de Conclusão de Curso são destinadas 520 horas. (Cf. item à frente sobre os TCCs). E finalmente, a carga horária de Estágio será de 400 horas e atividades complementares é de 200 horas.

A Licenciatura em Ciências Sociais tem duração total de 3.500h, com limite mínimo para integralização de 04 anos e seis meses (54 meses), em conformidade com a Resolução nº 2 de 18 de junho de 2007, e limite máximo de 07 anos, sob pena de prescrição da vaga do discente. Na medida em que se integrarem novos docentes ao quadro e que os atuais docentes avancem em suas próprias pesquisas e seus interesses intelectuais se desloquem, novas disciplinas podem ser agregadas e outras suprimidas do atual desenho curricular. O processo de formação dos docentes é igualmente contínuo, não se esgota no momento da posse como docente efetivo, e é do interesse desta Faculdade apresentar aos discentes o que esteja mais próximo do estado da arte em suas áreas de pesquisas.

 

 

Fim do conteúdo da página